Autenticação

Imagem aleatória

vulcao_1.jpg

climas quentes - características e vegetação (7ºano)

Atenção, abrirá numa nova janela. PDFVersão para impressãoEnviar por E-mail

Avaliação: / 0
FracoBom 

O flipchart destina-se a uma aula em que os alunos já tenham adquirido as competências de construção e leitura dos gráficos termopluviométricos e ainda tomado conhecimento da nomenclatura dos climas que fazem parte das três “famílias” de climas: quentes, temperados e frios.

 

Descrição do flipchart:

 

Na capa do flipchart estão representadas quatro fotografias de paisagens terrestres correspondentes, respectivamente, aos quatro climas quentes. Logo aqui pode-se, como estratégia de aula, proceder a uma observação atenta das mesmas e a sua relacionação com viagens feitas, filmes visualizados e/ou conhecimentos prévios que os alunos possam ter sobre cada fotografia. Sem ainda proceder à identificação do tipo de clima e vegetação natural correspondente, pode o docente, interactivamente com os alunos, identificar e sublinhar algumas diferenças entre as fotografias.

 

Na segunda página do flipchart estão inscritos quatro gráficos termopluviométricos que representam a temperatura e a pluviosidade dos quatro climas quentes. Para um dos gráficos deve ser chamado um aluno ao quadro interactivo, onde com o apoio do professor e da turma, vai explorar, ler e chegar a algumas das características do clima representado no gráfico. Finalmente com a ferramenta da “lupa mágica” confirma a identidade do clima do gráfico que acabou de analisar. Esta estratégia será  repetida para mais três alunos, totalizando a análise dos quatro gráficos e a identificação dos quatro climas quentes.

 

Quanto à terceira página através da técnica da contentorização em recipientes de conteúdos adquiridos, outro aluno, com as quatro caixas dos climas quentes (sem nome e identificadas apenas com uma miniatura do gráfico termopluviométrico), vai escolher de uma lista de características climáticas, cada uma delas e inserir na caixa correcta do clima a que corresponde. Pretende-se com isto que o aluno, dentro da “família” dos climas quentes, sendo as altas temperaturas ao longo de todo o ano a característica que os unifica como “família”, o aluno distinga os regimes pluviométricos diversos que levam à definição de quatro “membros” da “família” dos climas quentes, o equatorial, o tropical húmido, o tropical seco e o desértico quente.

 

Por último na quarta página, para além das quatro fotografias já mostradas na capa do flipchart, são apresentadas mais quatro fotografias e num total de oito paisagens terrestres, outro aluno pelas características pluviométricas já identificadas deve, com as ferramentas da caneta e da borracha seleccionadas e dotadas de acção, associar cada paisagem ao tipo de clima quente mais provável. Esta estratégia pretende que o aluno faça o elo de ligação entre os conhecimentos teóricos adquiridos e a vida real.

 

aceder ao ficheiro

 

Maria da Conceição Fernandes de Pinho